05 novembro, 2014

Mantendo o foco

Talvez eu esteja mais sentimental que o normal, de fato, é interessante pensar como tudo seria diferente se eu simplesmente cedesse à todos esses pensamentos, alguns até insanos, mas tudo bem eu pensar assim, mostra até que ponto minha mente pode ir com um simples desejo.

Entre todas as coisas do mundo eu resolvi simplesmente manter uma linha de raciocínio de que pensando no amanhã posso planejar o mesmo e também o hoje. É muito estranho tomar decisões baseadas em sonhos e planos futuros? Okay, eu posso estar entrando em mares desconhecidos, mas preciso aprender a velejar ou caminhar sozinha nessa. Eu escolhi isso e resolvi manter o acordo que fiz comigo mesma e eu preciso estar pronta para os próximos passos.

Não é nada ruim ter que escolher entre todas as coisas porque o assunto aqui é foco. E mesmo que tudo ao seu redor não esteja tão bom, você tem que estar bem porque é assim que funciona. Não tem que estar bem para os outros, mas sim para você.

Há uma linha praticamente invisível entre o que se precisa e o que se quer, é preciso separar ambos os lados da forma mais clara possível, uma lista, uma regra, um truque... Qualquer coisa para fazer tudo isso funcionar, para fazer com que seus sonhos saiam do papel. Tudo, exatamente todas as suas decisões e  neuras estarão sempre querendo provar ser melhores que você, inclusive em meio a bagunça, só, não se permita ser manipulado.

Pensando assim, tudo bem eu estar mais sentimental, calma e extremamente de bem com a vida. Deixei os pesos largados no meio do caminho  e essa sensação de poder lidar com tudo é maravilhosa, me sentir assim é fora do comum ou talvez uma nova forma de viver. É como deixar o espaço livre jogando todas as coisas velhas fora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Patrícia Muniz - 2014/2016. Todos os direitos reservados. || Design by: Patrícia Muniz. Voltar ao topo ↟