20 junho, 2014

Coisas inacabadas

Com todas as coisas que deveria me preocupar, uma das únicas coisas que me deixa pensativa e com sentimento de dever não cumprido é o blog (sim, com todos que eu já tive e que exclui), conseguir um trabalho e mudar um dos meus piores hábitos: A preguiça, ou pelo menos o que acho que seja preguiça. Fico tão sem ação diante o meu lado meio preguiçoso com meus planos futuros... Planejo tanta coisa, e tenho muita vontade de realizar tudo mais a preguiça sempre me vence e acabo deixando pra depois.

O que me faz lembrar de todas as vezes que disse que iria mudar todos esses hábitos ruins e fazer uma reeducação de mim. E foi em um desses longos pensamentos reflexivos que me dei conta de que não é tudo preguiça ou falta de compromisso, descobri que não tenho paciência de esperar as coisas acontecerem, se quero uma coisa é pra agora e não pra mês que vem ou ano que vem... Enfim, não é bem preguiça (Não tô dizendo que não sinto preguiça, sou humana.) é que pra mim é mais empolgante não ter que cumprir a mesma tarefa todos os dias, essa coisa de ter uma rotina, isso explica porque eu não fico muito tempo em um  trabalho, começa a ficar monótono e me parece melhor ficar em casa assistindo séries do que ir trabalhar e fazer as mesmas coisas.

Outro ponto que notei é que eu acho coisas que me chamem mais atenção do que o que tô fazendo no momento, daí eu paro tudo pra ver ou fazer o que julgo ser mais interessante. Eu até tentei mudar isso usando um caderno de organização, me ajudou bastante em alguns aspectos, ainda dou algumas burladas em algumas regras mais estou melhorando bastante nisso. Antes desse blog vieram vários outros e esse bateu o record de posts e de tempo funcionando, os outros que eu tinha criado duravam de alguns dias até no máximo 1 mês e meio, pelo menos aberto ao público, pra se ter uma ideia esse é o 5º blog que eu faço e até agora ele está sendo atualizado, de um jeito torto mais está.

Eu queria muito me concentrar em algo e terminar antes de pular pra outra coisa, só que é meio difícil abandonar hábitos como esse, um exemplo: Antes eu lia um livro inteiro sem sentir, hoje em dia eu pego livros na biblioteca e fica rolando por dias na minha mão, as vezes eu leio o livro praticamente todo e deixo o final ou definitivamente não passo das 3 primeiras páginas e olhe lá. Quer uma prova disso? O livro Uma Aprendizagem ou O Livro dos Prazeres de Clarisse Lispector, peguei duas vezes na biblioteca pra ler e acabei não lendo o final.

Dentre todos os meus desejos de 2014, mudar esse hábito terrível está nas primeiras linhas da lista, tenho que cruzar os dedos e entrar de cabeça nas mudanças. Até que eu pare de deixar as coisas inacabadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Patrícia Muniz - 2014/2016. Todos os direitos reservados. || Design by: Patrícia Muniz. Voltar ao topo ↟